Influenzanet is a system to monitor the activity of influenza-like-illness (ILI) with the aid of volunteers via the internet

http://www.influenzanet.info/

Epiwork Logo
Developing the framework for an epidemic forecast infrastructure.
http://www.epiwork.eu/

The Seventh Framework Programme (FP7) bundles all research-related EU initiatives.

7th Framework Logo
Participating countries and volunteers:

The Netherlands 0
Belgium 0
Portugal 2371
Italy 5488
Great Britain 0
Sweden 0
Germany 0
Austria 0
Switzerland 2651
France 9396
Spain 1063
Ireland 262
InfluenzaNet is a system to monitor the activity of influenza-like-illness (ILI) with the aid of volunteers via the internet. It has been operational in The Netherlands and Belgium (since 2003), Portugal (since 2005) and Italy (since 2008), and the current objective is to implement InfluenzaNet in more European countries.

In contrast with the traditional system of sentinel networks of mainly primary care physicians coordinated by the European Influenza Surveillance Scheme (EISS), InfluenzaNet obtains its data directly from the population. This creates a fast and flexible monitoring system whose uniformity allows for direct comparison of ILI rates between countries.

Any resident of a country where InfluenzaNet is implemented can participate by completing an online application form, which contains various medical, geographic and behavioural questions. Participants are reminded weekly to report any symptoms they have experienced since their last visit. The incidence of ILI is determined on the basis of a uniform case definition.

Hide this information

Programa Nacional de Vacinação manteve cobertura de 99% no primeiro ano de vida

 Programa Nacional de Vacinação manteve cobertura de 99% no primeiro ano de vida

O Programa Nacional de Vacinação (PNV) da Direção-Geral da Saúde (DGS) reforçou os seus resultados de excelência a nível nacional e internacional, ao longo dos 55 anos da sua existência. Em 2020, o PNV atingiu ou ultrapassou coberturas de 95% até aos 7 anos em todas as vacinas. 

Estes resultados são divulgados pela DGS durante a Semana Europeia da Vacinação (SEV) 2021, que se assinala de 26 de abril a 2 de maio. Esta iniciativa promovida anualmente pela OMS Europa visa celebrar a diferença que as vacinas fazem na nossa sociedade, de uma forma geral e, em particular, no âmbito da pandemia por COVID-19. 

Em 2020, apesar das evidentes mudanças nos serviços de saúde em contexto de pandemia por COVID-19, o PNV manteve-se forte, destacando-se os seguintes resultados:

  • 99% das crianças nascidas em 2019 foram vacinadas com as vacinas recomendadas no PNV.
  • A vacina contra o sarampo, a rubéola e a parotidite epidémica (VASPR) continua a cumprir todas as metas nacionais e internacionais do Programa de Eliminação do Sarampo e da Rubéola: mantém-se nos 99% aos 2 anos e nos 95% ou mais, a partir dos 6 anos, já com o esquema vacinal completo.
  • A vacinação de adolescentes do sexo feminino, com o esquema completo da vacina contra o Vírus do Papiloma Humano (HPV), mantém-se muito elevada: igual ou superior a 95% a partir dos 14 anos de idade.
  • A cobertura vacinal da grávida, para proteger os seus bébés de tosse convulsa, continua muito elevada, estimando-se que este ano tenha chegado aos 90%.
  • A vacinação do adolescente e do adulto com a vacina contra o tétano e difteria (Td) mantém-se elevada - chegando aos 96% aos 14 anos e aos 80% aos 65 anos.
  • Aos 12 meses de idade, 84% das crianças foram vacinadas atempadamente. É importante cumprir com as idades recomendadas para obter proteção o mais precocemente possível.

O sucesso destes resultados deve-se ao empenho e dedicação dos profissionais de saúde e à confiança que os cidadãos continuam a depositar no PNV.

As vacinas aproximam-nos! Vacine-se e vacine os seus!

Consulte o Boletim nº 4 do Programa Nacional de Vacinação.

Fonte: DGS (Noticia original

3 de May de 2021 às 18:05